top of page
  • Por Redação

Campanha do Ministério da Saúde adere meta de chegar a 70% de aleitamento exclusivo até 2030


Foto: Divulgação - Ministério da Saúde


Hoje, 01/08, início do “Agosto Dourado” – período da Semana Mundial de Aleitamento Materno – tem como objetivo incentivar e estimular o aleitamento e cultivar as informações acerca da importância da amamentação. Neste dia também se celebra o Dia Mundial da Amamentação.


Na última segunda-feira, 31/07, o Ministério da Saúde anunciou um projeto piloto que começará em cinco estados do Brasil e novas unidades terão esse espaço previsto para que mães amamentem seus filhos.


O tema deste ano é “Apoie a amamentação: faça a diferença para mães e pais que trabalham!”. Ao implementar salas de amamentação nas Unidades Básicas de Saúde, que estão mais próximas do local de residência e trabalho, as mulheres terão acesso ao local apropriado para retirar, armazenar o leite e receber todo o apoio para dar continuidade à amamentação.


O Brasil tem evoluído nas taxas de amamentação ao longo das décadas, mas ainda está abaixo do recomendado. Na década de 70, as crianças eram amamentadas, em média, por dois meses e meio. Agora, a duração média é de 16 meses, o que equivale a 1 ano e quatro meses de vida.


A meta estabelecida vem da Organização Mundial da Saúde (OMS), que até 2025, pelo menos 50% das crianças de até seis meses de vida sejam amamentadas exclusivamente. E a expectativa é que até 2030, esse índice chegue a 70%.


Veja aqui como ficou a campanha:


Apresentação:

https://www.gov.br/saude/pt-br/assuntos/noticias/2023/julho/arquivos/apresentacao-aleitamento-materno.pdf

4 visualizações0 comentário

댓글


bottom of page